Um Ensaio Teórico sobre a influência da Teoria da Troca Social e da Co-Criação de Valor no Crowdfunding

Camila da Silva Schmitt, Martin de La Martinière Petroll

Resumo


O presente ensaio teórico investigou o fenômeno do crowdfunding a partir da Teoria da Troca Social e da Co-criação de Valor no intuito de estabelecer proposições de pesquisas futuras. Percebeu-se que crowdfunding apresenta dinâmicas de co-criação em seus processos, onde os potenciais apoiadores - crowdfunders - envolvidos trabalham em estreita colaboração com o empresário de forma cooperativa, participando ativamente do desenvolvimento do projeto instaurado com feedbacks. Notou-se a plataforma crowdfunding como intermediário que facilita a interação repetida entre o proponente e apoiadores, criando valor não só financeiro. Mostrou que a criação e troca de novos conhecimentos na fase de inovação gera benefícios não financeiros ao projeto, uma vez que ganha a possibilidade de adaptar a proposta de valor ao mercado sem a necessidade de dispendiosas pesquisas. Conclui-se apresentando proposições de futuras pesquisas, como: concentrar esforços para analisar o conteúdo específico trabalhado em projetos bem-sucedidos de crowdfunding e compreender como pode auxiliar em estratégias de reciprocidade no contexto de troca social e co-criação de valor. 


Palavras-chave


Teoria da Troca Social; Co-criação de Valor; Crowdfunding; Financiamento Colaborativo; Crowdfunders

Texto completo:

PDF PDF (ENGLISH)


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/rbcc.v44i1.2834