Um acontecimento, três jornais: processos de produção no Jornalismo latino-americano

Angela Zamin

Resumo


Nucleado por um acontecimento, o artigo tem por objetivo analisar os processos
de produção que dão conta de sua materialidade jornalística. Trata-se do Angostura,
crise colombo-equatoriana resultante do ataque do Exército colombiano a um acampamento das Farc localizado no Equador, em 1º de março de 2008. Com base no arcabouço dos estudos do acontecimento jornalístico, constatam-se fluxos do acontecimento e do Jornalismo (no espaço, entre editorias e sistemas informativos).
Considera um conjunto de notícias sobre o acontecimento dos jornais latino-americanos O Estado de S.Paulo, El Tiempo e El Comercio, publicadas em 2008 e 2009. Por meio de uma análise da materialidade discursiva (FOUCAULT, 2005; GUILHAUMOU, 2002), identifica em que medida o acontecimento desestabiliza a ordem dos jornais e como, ao fazer trabalhar o acontecimento, o Jornalismo também se organiza.

Palavras-chave


Jornalismo. Acontecimento. Conflito. Espaço. América Latina.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.1590/rbcc.v36i1.1668